terça-feira, 18 de outubro de 2011

Tudo O Que Eu Tenho


No que acreditar quando tudo parece um pesadelo sem fim?

Em quem confiar se a cada mão estendida alguém me apunhala pelas costas?

Que objetivos ter, se cada sonho quase realizado se desfaz em pó, bem na minha frente?

Cansei de acreditar, de sonhar, de querer, de buscar, de confiar. Quero tudo que um dia foi meu, se é que realmente tive algo verdadeiramente meu.
Quero você, te ter, te beijar e te dizer o quanto gosto de você. E tudo parece loucura quando percebo que você não está mais aqui, parece que vou desmoronar quando a noite cair, como uma garota sozinha na chuva, esperando alguém que nunca vai aparecer.
Leve tudo que eu tenho, destrua quem fui um dia, mas me diga a verdade; O que eu sou pra você?
Sou apenas a tola apaixonada, sou aquela que você quer gostar, mas não consegue por causa do seu outro amor? Quem eu sou e o que significo pra você? Responda-me ou me deixe viver!
Leve tudo que tenho, destrua quem fui um dia e me deixe apenas a verdade, mesmo que doa, mesmo que eu chore, sangre ou prometa não mais te ver.
Nunca esquecerei o que me proporcionou o que mudou em mim por você, por nós, por te querer, contudo, hoje só o que eu quero é me deitar e saber que tudo em mim é verdade, mesmo que nessa verdade não haja você!

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Se gostou & estiver com vontade; comente.