segunda-feira, 26 de dezembro de 2011

Paixão de verão


Recordarei para sempre do seu rosto naquele dia de sol em que disse que te amava. Por mais que o mundo conspirasse contra nós, você lutou por mim e mostrou para todos que isso que sentíamos não era apenas uma paixão de verão e sim amor.
Hoje tudo o que quero é estar ao seu lado, e por mais que a distância nos separe o que sentimos aqui dentro de nossos corações no une eternamente. Não que tenhamos todo o tempo do mundo, mas somos jovens e com o pouco fazemos mil coisas. Por isso te digo quando o verão novamente chegar eu vou estar ao seu lado e nada poderá nos separar.
Aproveitaremos à tarde chuvosa e brincaremos na lama, no sol poderemos fazer piquenique e quando a noite chegar arrumaremos qualquer desculpa para juntos ficar, não importando as barreiras que vamos enfrentar, pois nosso amor vai virar história e para nossos filhos iremos contar.
Tudo aconteceu de repente e quando percebi você já estava aqui no meu coração e eu sei que essa distância não poderá nos afastar, já que em tão pouco tempo você me deu mais do que qualquer outro com quem eu pudesse estar.
Vejo o sol iluminando meu jardim e penso onde você está, não preciso de um minuto para o telefone tocar e eu sei que é você, pois assim que atendo meu coração começa a palpitar. Você diz que sente minha falta e eu não consigo negar que toda vez que vou me deitar começo a me lembrar dos seu beijos, seus abraços, tudo aquilo que eu quero de novo vivenciar.
Não se preocupe querido, logo mais estarei ai nos seus braços para podermos nos amar, e que se dane o mundo quando a gente de novo se encontrar.


terça-feira, 20 de dezembro de 2011

Se..

E seu eu disser que está tudo bem, que passou, que eu não penso mais na dor do dia em que você me deixou. Você irá acreditar em mim?

E seu eu contar que tenho um novo amor, que ele está presente e me dá aquilo que um dia pensei que você fosse me entregar. Você irá sorrir e dizer que fica feliz em me ver assim?
Se por acaso eu falar que nunca te amei de verdade, que aquilo foi ilusão e que agora eu estou bem com meu coração. Você irá embora de novo?
Mas se eu confessar que por mais que eu o tenha do meu lado ainda sonho com você, o que irá fazer? Se eu disser que no dia combinado, eu esperei ansiosamente sua chegada você irá rir na minha cara?
A noite chegou e eu não consigo sair daqui não consigo decidir o que irei fazer. A chuva vai cair e eu preciso saber; se eu te disser que ainda assim te quero comigo o que irá fazer?!

terça-feira, 13 de dezembro de 2011

Destino Querido

E se eu quiser uma pessoa que veja em mim mais que um rostinho bonito ?
Qual o problema em desejar que um homem desligue o futebol ao menos uma vez só pra sentar comigo e conversar?
É impossível que de vez em quando ele me leve pra jantar?
Seria pedir demais que ele não queira só sexo e sim alguém para lhe confortar quando o dia for ruim e que quando eu precise ele saiba me escutar ?
Será muito difícil encontrar alguém que me diga que estou bonita mesmo quando acabo de acordar ?
Se eu desejar um cara que saiba esperar sem forçar, um que apenas deixe rolar e que possa me respeitar será que consigo encontrar?
Ele não precisa ser um príncipe, mas eu gostaria que ele soubesse se comportar. Quem sabe conhecer meu pai, só pra não fugir tanto assim do que meu velhinho sempre desejou pra mim.
Ele também não precisa ser um Ainsten, só não quero alguém que apenas entenda de futebol e que não sirva pra conversar. Não quero um Edward, ele só precisa de vez em quando ser romântico pra eu mais e mais me apaixonar. Lembre-se Destino não quero um vampiro que brilhe ou coisa assim, só alguém que saiba me encantar.
Será Destino querido que consigo alguém que possa ao menos me amar sem ter que me mudar?!

Aguardo uma resposta


Belle ;*

domingo, 4 de dezembro de 2011

Quem Sabe Recomeçar.


Eu pensei que esse momento nunca chegaria, no entanto aqui estamos nós em uma sala vazia de sentimentos, tentando decifrar tais pensamentos.
Você sabe que eu tentei, você conhece meu coração, mas toda vez que tento conversar ficamos em silêncio e me pergunto quando foi que deixamos nosso amor escorrer entre os dedos.
Decidi depois que muito pensar que ir embora seria a melhor escolha e você me diz chorando que ainda me ama, mas me diga que amor é esse que só maltrata, que só afasta?
Nem tudo que acaba tem final, hoje enquanto vou embora você chora, e eu espero que isso te faça pensar, para quem sabe recomeçar. Tudo que quero é ter de volta o ‘ você ’ que conheci, quem sabe todo esse tempo tenha te feito esquecer como é gostar e conquistar. Então pense em mim, enquanto penso em você, talvez longe um do outro possamos de novo nos querer.